A beleza de O Gênio e as Rosas

Algum tempo atrás, tive o prazer de ler um livro de uma qualidade gráfica ímpar, daquelas de fazer brilhar os olhos de qualquer criança. Soma-se a isso um texto atrativo e objetivo em forma de histórias infantis para fazer os pequenos leitores viajarem e de ter de brinde um fundo moral para cada uma destas viagens. Assim é o livro O Gênio e As Rosas, uma bela parceria entre Maurício de Souza e Paulo Coelho.

resenha_0001O estilo de escrever de Paulo Coelho é o mesmo que o consagrou, simples, direto e que traga algum benefício espiritual para o leitor. Os traços do Maurício continua a encantar as crianças e adultos, prendendo a atenção deles ao texto.

Com belas histórias protagonizadas pelos personagens da Turma da Mônica, o livro é um convite para os pais que gostam de ler histórias para os filhos e discuti-las depois, mencionando o que devem aprender com aquilo que ouviram.

As histórias são curtas, o que não torna o livro cansativo para os pequenos, porém o teor filosófico acaba entediando as crianças quando lidas sucessivamente. O ideal é ler aos poucos, afinal, muita filosofia num dia é complicado, ainda mais para quem ainda não tá nem aí para isso, como é o caso da criançada.

É isso aí, O Gênio e As Rosas é o livro ideal para ler para o seu filho, irmão ou sobrinho antes dele dormir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *